Tags

Related Posts

Share This

12 Dicas para escrever seu os votos do casamento

O casamento esta em alta… Muitos jovens voltaram a dar importância a esta cerimônia.  Mesmo com esta volta a tradição, os Votos de Casamento particularizados e que dão o tom único a cada cerimônia.

12 Dicas para escrever seus próprios votos de casamento:
Você sabe qual a chave para elaborar perfeitos votos de casamento? Basta escrever uma palavra de cada vez…
Escrever seus próprios votos de casamento não é tarefa fácil – é como escrever poesia, falar em público e ter a conversa mais profunda de sua vida toda de uma vez. Colocar suas promessas em papel é emocional, é abrir os olhos para a experiência, muitas vezes extremamente memorável. Vamos dar aqui umas dicas incríveis para você ser único e surpreender seus convidados com uma cerimônia, realmente particular….
Pronto para o desafio? Aqui está a lição de casa que você precisa fazer (e as perguntas que você deve fazer a si mesmo) para fazer seus votos perfeitos.

1- Obter autorização
Verifique se o seu oficiante cerimonial vai realmente permitir votos personalizados. Alguns celebrantes, Igrejas e/ou casas de culto podem exigir que você recite um conjunto específico de votos tradicionais. E lembre-se: Mesmo alguns dos mais oficiantes acomodandos vão querer ver “suas palavras” com antecedência.

2- Começar Cedo
Não podemos dizer isto o suficiente: Não deixe para escrever seus votos um dia antes do casamento!
Você vai ficar muito nervoso e nada sairá bem. Anime-se e pense em dar o tempo que eles merecem, ou seja,  pelo menos, um mês, para trabalhar em seus votos. Comece com anotações soltas que você coloca no bolso para depois você configurar todos os seus principais “fornecedores” e antes que você tem que começar a pensar sobre os detalhes. A escrita dos votos deve ser feita em um ambiente descontraído, não apressado e com um estado de espírito leve. Algumas frases soltas para lhe apontar o caminho  para: Tentar obter um primeiro esboço juntando tudo cerca de três semanas antes do casamento e ter sua versão final concluída pelo menos dois dias antes, dai você não deve ler mais.

3- Olhe à Tradição
Para se inspirar, comece pela leitura do tradicional, by-the-book votos – a partir de sua própria religião, se você praticar uma fé, mas existem outras leituras românticas que podem dar “corda à você”. Você pode incorporá-las nas palavras originais que você escreve, ou simplesmente usá-los como ponto de partida para basear a sua personalizado em seus votos.

4- Defina o tom
Antes de colocar a caneta no papel, decida o tom geral que você deseja alcançar.
Bem humorado, mas comovente?
Poético e romântico?
A decisão é sua – a coisa mais importante é que seus votos devem ser verdadeiros como se fosse um som saído de seu coração. Uma palavra de conselho: Enquanto seus votos podem ser leves (ou mesmo hilariantes), eles devem, de alguma forma, reconhecer a seriedade do compromisso que você está prestes a fazer. Uma maneira de fazer isso até pode ter piadinhas particulares dentro de votos tradicionais, por exemplo: “Eu prometo te amar, cuidar de você e sempre assistir “Futebol e novelas” com você”).

5- Descobrir a Logística
Certifique-se de que você e seu par estão ambos fazendo os votos. Você pode escrever seus próprios votos sem mostrar, ou vocês estariam escrevendo juntos? Se você estiver escrevendo-os separadamente, você vai querer mostrá-los para o outro antes do casamento? Se você estiverem escrevendo juntos, eles vão ser completamente diferentes para cada um de vocês, ou vocês gostariam de recitar algumas das mesmas palavras e fazer as mesmas promessas uns aos outros, como são feitos os votos tradicionais? Se vocês querem que eles sejam uma surpresa no dia do seu casamento, certifiquem-se que eles não vão ter conflito, mandando uma cópia  do que cada um escreveu para o oficiante ou para um amigo ou membro da família que possa verificar se ambos os votos são aproximadamente o mesmo estilo e similares no tom.

6- Fazer uma promessa de Data
Quando é hora de avançar com o conteúdo real de seus votos, sair para jantar ou reservar uma noite em casa de brainstorm. Fale sobre seu relacionamento e o que o casamento significa para cada um de vocês. Discutam o que cada um espera de si e da relação. O que você está mais ansioso sobre a vida de casado? Por que você decidiu se casar? Que tempos difíceis que vocês passaram juntos? O que vocês tem apoiado um ao outro ou através do outro? Quais os desafios que você imagina no seu futuro? O que vocês querem realizar juntos? O que faz com que seu relacionamento seja consistente? Responder a estas perguntas irá ajudá-lo a fazer e manter suas promessas, e falando sobre o seu vínculo pode expor a sua “emoção” interior e ajudá-lo a vir buscar deste íntimo frases e histórias que você pode incorporar em seus votos.

7- Agende um tempo sozinho
Depois de conversar com o seu futuro cônjuge, levará algum tempo para uma auto-reflexão para pensar sobre como você se sente sobre o seu parceiro. O que você pensou quando o viu pela primeira vez? Quando você percebeu que estava apaixonado(a)? O que você mais respeita em seu parceiro? Como sua vida ficou melhor desde que conheceu seu companheiro? O que ele te inspira? O que você mais sente falta quando está distante? Quais as qualidades que você mais admira no outro? O que você tem agora, que você não tinha antes de conhecer? Você pode ser surpreendido como essas respostas podem levar você para as palavras perfeitas!!!

8- Roubar idéias
Emprestar livremente de poesia, livros, textos religiosos e espirituais – até mesmo de filmes românticos. Anote as palavras e frases que capturam seus sentimentos. Obras amplamente reconhecido podem soar verdadeiras por alguma razão.

9- Criar uma estrutura de tópicos
Um esboço pode começar, ajudando a estabelecer uma estrutura. Por exemplo, o plano de primeiro falar sobre o quão grande é seu noivo e, em seguida, sobre como trabalhar juntos como um casal, uma pausa para citar o seu escritor favorito e, em seguida, entrar em suas promessas para o outro.

10- Lembre-se de seu público-alvo
Não faça seus votos tão pessoal que seja enigmático – ou constrangedor! Você convidou sua família e amigos para testemunhar seus votos, a fim de tornar público o seu vínculo, tenha certeza que todos se sintam incluídos no momento. Isso significa que colocar um limite para piadas, anedotas profundamente pessoais e apelidos obscuros ou palavras de código. Permita que a energia de seus convidados ajude em pontos positivos para vocês.

11- Tempo certo
Não fazê-los muito tempo – objetivo por cerca de um minuto ou assim (é mais do que parece!). Seus votos são o elemento mais importante de sua cerimônia, mas isso não significa que eles devem continuar por horas. Chegar ao coração do que se casar com essa pessoa significa para você, com seus votos, escolher os pontos mais importantes e fazê-los bem. Salvar alguns pensamentos para os brindes de recepção – e para a noite de núpcias. Mais de 2 minutos é inadmissível e pouco impactante.

12- Pratique Out Loud (seriamente!)
Estas palavras são destinadas a serem ouvidas por uma plateia ao vivo, deste modo é importante ter certeza que soarão bem quando faladas. Leia seus votos em voz alta para certificar-se que fluirá facilmente. Cuidado com os trava-línguas e frases super longas – você não quer ficar fora do ar ou a tropeçar.

Dai, só resta ao casal, Cumprir seus Votos e ser feliz!!!!